Missionários saem da Venezuela em voo da Força Aérea Uruguaia


No dia 20 de abril de 2020 o missionário Pr. Alexandre Ferreira, a esposa Aline e os filhos Anelise e Arthur tiveram que sair da Venezuela através de um voo da FAU - Força Aérea Uruguaia que, em parceria com o Brasil abriu vagas para levar os brasileiros que estavam em situação de se tornarem ilegais no país. Foi um voo muito cansativo por se tratar de uma aeronave militar, mas foram levados de Caracas até Brasília, em onze horas de viagem. O motivo da saída deve-se ao fato da família ainda estar no período de aprovação do visto religioso e, para isso, é necessário sair do país a cada noventa dias e entrar novamente com novo visto de turismo, até conseguir o visto religioso. Em condições normais, os missionários saem pela fronteira seca, vão até Boa Vista RR e com o novo visto, retornam. Mas, com o advento da pandemia, as fronteiras estavam fechadas e todos que saíram teve que ser através de voos fretados ou enviados por governos. Como o Brasil não tinha mais voos, Pr. Alexandre saiu através da Força Aérea Uruguaia. Na última hora, depois de comunicar-se com a missão e com sua igreja enviadora, conseguiu, pela providência de Deus, ir para Caracas e voar até Brasília. Agora estão em Limeira aguardando o momento certo de voltar para a Venezuela e reiniciar o procedimento. Os filhos continuam estudando, pois, os professores venezuelanos estão enviando as aulas pela internet. Para entrar em contato: (19) 9873-1689 Alexandre, e (19) 98373-1593 Aline.

Autor: Coordenador de Missões
Data: 27/05/2020

[ visualizar todas notícias ]

Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;

Mateus 28:19